top of page
  • Brasil Scenes

Em seus últimos episódios, Eliana visita seu amigo Celso Portiolli neste domingo (2)

Foto: Divulgação/SBT

Neste domingo, 02 de junho, Eliana e Celso Portiolli se encontram para um dia repleto de intimidade, família, fé e diversão. Pela primeira vez na televisão, o apresentador abre a casa onde mora há 15 anos, mostrando a relação com a esposa e os filhos. Ele conta sobre os momentos de superação, a ligação com a espiritualidade e detalhes profissionais poucos conhecidos, como seu lado cantor e político. Portiolli também mostra como é a sua rotina de influenciador e como são produzidos os vídeos dele na internet. O público tem a oportunidade de revisitar alguns momentos de Celso ao lado de Eliana no SBT. Tem o“Jogo da afinidade” entre ele e a esposa, em que Celso responde perguntas reveladoras. Além disso, ele também enfrenta o temido “Cardápio Surpresa” e ganha uma comemoração surpresa pelo seu aniversário de 57 anos, que ocorre no dia 01 de junho.

 

Carreira de Portiolli

Com 40 anos de carreira, sendo 30 deles no SBT, Celso Portiolli é um artista que sabe se reinventar. Iniciando no rádio, ele chegou ao SBT após entregar uma fita paraSilvio Santos. Atuou nas “Câmeras Escondidas” e foi redator até realizar seu grande sonho: estar à frente das câmeras. Desde então, apresentou diversos programas, consolidando-se como um dos maiores comunicadores do Brasil. Com a chegada das redes sociais, ele surfou na onda com muito destaque. Hoje, além de apresentar o “Domingo Legal”, Celso é um sucesso na internet, com mais de 5,5 milhões de inscritos no canal do YouTube e 15 milhões de seguidores no Instagram.

 

Vereador: Celso Portiolli na Política 

Celso começou no rádio, mas também teve uma carreira. Aos 24 anos, ele foi eleito vereador em Ponta Porã, Mato Grosso do Sul. 

“Eu era do rádio, era bem quisto na cidade, todo mundo gostava de mim, eu fazia um programa popular, eu tinha uma ideia de ser governador do estado, eu queria crescer na política, eu falei para meu pai que ia entrar na política e ele me disse: “não faça isso, meu filho. Você vai se arrepender’. Eu fui muito votado, eu fui o mais votado do partido, eu me elegi e em pouco tempo, o conselho do meu pai virou verdade. Eu me arrependi em pouco tempo, a minha decepção na política e a perda do meu pai foi no mesmo momento. Como eu tinha largado tudo em São Paulo para ajudar meu pai no trabalho, eu pensei: ‘bom, agora eu vou correr atrás do meu sonho de rádio e televisão novamente”, declara o comunicador.

 

Celso e o SBT: Como Tudo Começou

Quando Portiolli conseguiu uma antena parabólica, ligou nas telinhas do SBT e assistiu um comercial do Luiz Lombardi, locutor famoso por anunciar produtos e quadros no “Programa Silvio Santos”, alegando que o público poderia mandar cartas com ideias para as “Câmeras Escondidas”, atração das pegadinhas, mas Celso foi além e surpreendeu: “Eu pensei: ‘eu não vou mandar carta, eu vou mandar uma fita’; eu fiz isso há 30 anos, coloquei uma câmera VHS em cima de alguns livros - eu tinha um estúdio pequeno em casa-, gravei e falei durante 50 minutos da minha história e do que eu queria, inclusive nessa fita, eu falei que queria fazer o Passa ou Repassa, que na época já existia e era a Angélica que fazia”.

O radialista foi contratado para ser redator no quadro “Câmeras Escondidas”.

“O meu papel era escrever para Câmeras Escondidas, dar ideias, só que eu continuava morando em Ponta Porã, Mato Grosso do Sul, eu ficava uma semana no SBT e uma semana em Ponta Porã. Eu viajava 16 horas para ir de ônibus e 16 horas para voltar. Eu aproveitava meu tempo no ônibus e ia escrevendo. Toda semana tinha que ter Câmeras Escondidas com ideia minha no ar, e eu comecei a criar muito. Eu passei a ser produtor e eu sem querer comecei a aparecer no vídeo. Fui produtor, ator, e depois passei a dirigir Câmeras Escondidas. Meu crescimento foi muito rápido. Depois veio minha chance, porque a Angélica foi embora do SBT e eu assumi o Passa ou Repassa, declara o entrevistado.

 

Moda e Beleza: Um Trauma no Passado, Uma Revelação no Futuro

O comunicador se considera vaidoso e expressa o desejo de fazer cirurgia plástica, mas também relata que não é bom quando o assunto é moda, já que no passado sofreu bullying pelas suas peças de roupas.

“Eu sou péssimo para me vestir, eu tenho trauma de infância. Na minha infância eu não tinha roupa, eram 12 filhos e muita dificuldade. Eu usava roupas das minhas irmãs. Em uma época da escola, o pessoal descobriu que minha calça fechava ao contrário - tinha aquela história do zíper de mulher que fechada para um lado e o zíper de homem para outro-, meus amigos descobriram que minha calça era feminina, então, eu sofri bullying na quinta série, foi um trauma de infância”, diz Celso.

“As pessoas acham que eu não mudo, mas quando eu olho no espelho eu sinto que mudei. Eu quero fazer uma plástica, o pessoal fala: ‘ah, não pode falar’. Como não pode falar? Todo mundo vai ver, só os tontos acham que ninguém vai perceber. Eu vou fazer uma plástica, quando for o tempo certo e eu acho que foi ontem [risos]”, pontua o apresentador.

 

Saúde e Fé

Em 2021, Portiolli foi diagnosticado com câncer na bexiga e submeteu-se a uma cirurgia para retirar o tumor. Ele valoriza os cuidados com a saúde e afirma que sua fé o ajudou em um momento tão delicado.

“Eu cuido muito. Eu era desleixado, mas aí teve uma época que acharam um negócio em mim, muitos anos atrás, e botaram um grilo na minha cabeça, fizeram um terror na minha cabeça, e na verdade depois de muitos anos aquilo desapareceu, mas eu fiquei cuidando durante muitos anos, eu fiquei neurótico, mas foi sorte também, porque se eu não tivesse me cuidado, eu não teria descoberto aquele CA [ abreviação de câncer] bem no começo [...]. Foi um momento difícil, mas eu não guardei nada deste momento difícil, parece que eu não tive nada, que já passou, que não existe mais, eu nem lembro. Eu agradeço a Deus, Deus fez um milagre na minha vida. A minha fé hoje é gigante, eu tenho uma fé maravilhosa, Deus e Jesus estão comigo o tempo todo”, expressa o artista.

 

Casamento e Família

Casado há 30 anos com Suzana Marchi, Celso têm três filhos desse relacionamento: Laura, Pedro e Luana. A esposa fala que foi amor à primeira vista e que decidiu seguir junto com o marido atrás dos sonhos dele. O casal enfrentou dificuldades financeiras no início, mas superou o desafio juntos:

“Esses dias eu achei um papelzinho que Suzana escreveu: ‘gastei R$ 12,90 com carne, gastei tanto com salada’, era tudo contado. Se eu perder tudo, ficar zerado, eu tenho certeza que ela vai comigo, essa é companheira”.

“Eu penso sobre meu passado e mantenho minha essência, da minha família simples, da minha vida simples, do locutor que ralava muito, que dormia em estúdio de rádio, que mudou de cidade em cidade para chegar onde queria, então, eu olho e digo: ‘com muito trabalho, eu conquistei tudo para a minha família’ ”, continua Portiolli.

 

Relação com Silvio Santos e Hebe Camargo

O apresentador diz que Silvio Santos sempre acreditou no talento dele e que foi responsável por transformar a vida do jovem sonhador de Ponta Porã. 

“Silvio Santos valoriza um artista, ele sabe valorizar um artista. Ele sabe o quanto é difícil estar na frente de uma câmera, tanto é que nossa profissão tem poucos, ele valoriza quem está na frente das câmeras e foi o cara que transformou minha vida”, diz Portiolli.

Questionado por Eliana se o visual e o jeito de apresentar parecido com Silvio Santos se deu pela convivência, ele responde:

“Eu não sei, eu acho que a técnica de apresentar pode lembrar muito o Silvio Santos. Por coincidência, a minha voz é muito parecida e durante muitos anos na televisão, eu subi o tom para não parecer com ele, a voz ia lá em cima para não cair e não falarem que era imitação. Mas todo mundo começa se inspirando em alguém, o próprio Silvio quando começou, ele disse que se inspirou no César de Alencar, que era um radialista. Quando eu comecei na televisão eu me inspirei no Silvio Santos, misturei muito com a Hebe Camargo, eu me inspirei muito nela. Que saudade que eu tenho da Hebe, ela é uma energia, uma luz. Eu tenho momentos lindos com ela”.

 

Um Bate-Papo Que Promete...

No programa deste domingo (02), Celso também fala sobre a morte precoce do pai, a relação de ternura com a mãe Dibe Said, de 97 anos. Responde o público sobre a fake news que virou meme sobre a ligação dele com a tragédia de 11 de setembro; revela o sabor da torta do Passa ou Repassa; declara o segredo de estar no ar com uma trajetória de 30 anos na televisão; discute sobre os outros empreendimentos dele e também abre a intimidade do Celso como pai e marido. Um domingo emocionante apresentando a história e revelando uma versão do comunicador nunca antes mostrada.


Comments


bottom of page